sábado, 17 de março de 2012

Comunicações

Muito se fala sobre este assunto. Para comunicações a curta distância o ideal e aconselhado é o uso de rádios do tipo PMR, para longas distâncias temos os CB's. 
Tem-se falado de quem use rádios de VHF, mas estes não são  os mais indicados pelas seguinte razões:

  • O seu alcance está limitado ao campo de visão.
  • Apenas os podem utilizar radio-amadores devidamente certificados pela ANACOM, caso não o sejam arriscam-se a uma avultada multa e uma ida ao tribunal.
  • São equipamentos mais caros e de maior consumo já que necessitam de mais potência para cobrir a mesma distância do que um rádio CB (dependendo dos locais).

Os rádios PMR
O PMR é um serviço de comunicações via rádio numa faixa de 8 canais em UHF nos 446 MHz. 
PMR são as iniciais de "Personal Mobile Radio" ou pessoal móvel. Destina-se a ser utilizada por todos os cidadãos, de forma livre e gratuita, dispensando qualquer licença ou autorização.
Este sistema assemelha-se à Banda do Cidadão (CB), com a diferença residindo no alcance das comunicações devido a várias limitações: apenas se pode emitir com 500 mW, só são autorizados aparelhos com antenas incorporadas, o maior alcance em UHF atinge o melhor rendimento em linha de vista. Assim, este é um serviço utilizado em comunicações locais com alcances de até 5 quilómetros, em condições ideais (em linha de vista). Todavia, na presença de obstáculos, essa distância reduz-se. Numa cidade, consegue-se frequentemente atingir mais de um quilómetro.

Os rádios CB
Em Portugal, a Banda do Cidadão está reconhecida pelo Estado como sendo um "Serviço de Rádio Pessoal - CB", e regulamentada pelo Decreto-Lei 47/2000. 
Os canais (40) usados pela Banda do Cidadão encontram-se na faixa de frequência compreendida entre os 26.965 e os 27.405 MHz, estes rádios devido ás propriedades das suas "ondas" torna-se no rádio ideal para curtas e longas distâncias, tanto em planícies como em montanha.
A entidade oficial que superintende o funcionamento da Banda do Cidadão é a ANACOM (Autoridade Nacional de Comunicações). Para se poder usar este tipo de rádio necessita-se de uma licença que é emitida pela ANACOM mediante um único pagamento de aproximadamente 75€.

Rádio CB
Clicar para aumentar

Existem vários tipo de rádios, com vários tipos de funções, e modulação (AM/FM/USB/LSB). O mais indicado tendo em conta o factor Euro, são os rádios de 40 canis de AM e FM, a sua aquisição varia entre os 60€ aos 120€ dependendo do tipo e quantidade de funções que tenham.
Pessoalmente atendendo à evolução neste segmento o rádio ideal para os pandistas é o Lafayette Vénus ou equivalente, a sua principal vantagem em relação aos outros existentes no mercado é que, vem com um cabo de extensão de 3 metros, entre o rádio e o microfone/display, a sua montagem pode ser em um local escondido, ou então no caso dos pandas em um local onde se consiga fixar.

Montagem de um rádio CB
A localização do rádio CB fica ao critério dos pandistas, actualmente com os novos tipos de rádio (ver a imagem acima) e como os pandas nisto não tem grandes locais para a sua colocação, a "caixa" do rádio pode ficar montada, oculta, naquela tábua de madeira que existe por baixo do tablier, na mala, etc, etc, locais não faltam. O suporte do microfone e display pode ser fixo do lado direito, do lado de fora, do painel de instrumentos.
Depois de fixo este deve ser alimentado a 12V, aqui podem levar a um electricista e ligar na caixa de fusíveis do Panda ou então "passar" os cabos até à bateria e ligar directamente à mesma, nesta solução devem colocar um fusível de 10A o mais próximo da bateria e o cabo deverá ser no mínimo de 2,5mm de extensão, para o rádio acima referido.

Suporte de antena.
Existem no mercado vários tipos de suportes os ideais deverão ser de acordo com o local onde vão ser colocados e à prova de corrosão. Podem ser feitos pelos próprios pandistas ou usar as chamadas bases magnéticas.

Antena
Esta é o elemento mais relevante no alcance das comunicações! O tipo de antena a usar depende, cada caso é um caso, uma antena maior não significa mais alcance!! Recomendo as antenas de marcas conceituadas e não as "chinocas". A antena representada na imagem acima tem a vantagem de se poder desapertar a base e deitar a antena, isto é útil para a entrada em garagens ou outros locais com baixa altura. 

Montagem da antena
O melhor local para a montagem das mesmas podem ver nas imagens abaixo. 
As "elipses" a azul são rendimento das antenas (quanto maior for a distância do quadrante ao centro, maior o rendimento). 

Solução A (antena na frente da grade/no meio do tecto): 
Sem duvidas a melhor solução, pois a antena fica livre de qualquer obstáculo o seu rendimento é uniforme. Isto devido a ter um plano terra maior (para leigos, mais metal na base da antena). 

Solução B (antena no capot): 
Esta é uma solução de compromisso, pois a antena colocado no capot, como podem ver tem o seu rendimento limitado, em muito devido ao seu plano terra e parte da antena ficar encoberta pela carroceria.

Solução C (antena na parte posterior da grade/no "fim" do tecto):

Mais uma solução de compromisso, pois a antena colocado no capot, como podem ver tem bastante rendimento para a frente, mas para trás o seu rendimento limitado, devido à quase inexistência de plano terra para trás.

Solução D (antena no parachoques): 
Sem duvida a pior das soluções, pois grande parte da antena fica encoberta pela carroceria do Panda, e o seu plano terra ser reduzido. Pela lógica o rendimento no lado oposto ao Panda deveria ser o pior, mas aqui aumenta devido à carroceria fazer o efeito de reflector, radiando parte da potência para trás.

Afinação da antena
Após a colocação da antena, ainda se tem de afinar a antena. 
Começa-se então por medir as ondas estacionárias (potência que não é radiada pela antena), se os valores forem superiores a 1:4, então devem afinar a antena (não invalida de afinarem a antena até ao valor de 1:1) 
Para afinar a antena devem colocar um medidor de estacionárias entre o rádio (este deve estar no canal 20) e a antena, estes encontram-se à venda nas lojas acima indicadas, e deslocarem o elemento radiante da antena (o arame) para cima e para baixo até conseguirem um valor perto de 1:1. 
Se não resultar, apertar o elemento radiante na base, a meio da posição, e começar a cortar 1cm de cabo de cada vez até os valores começarem a baixar, quando o valor estiver perto de 1:1 cortar de 0,5cm, depois menos, e assim sucessivamente. 
Notas: NUNCA cortar a antena (erro mais comum), uma antena mal afinada pode fazer com que o rádio "queime" ou tenha menos alcance.

Um vídeo sobre como devem medir as estacionárias:

Sem comentários:

Enviar um comentário

SEAT Marbella (Manual de Instruções) - Em espanhol.

E porque os SEAT Marbella, também são Pandas, tem como base o Panda 45 que a SEAT usou com autorização da FIAT. Aqui deixo o Manual de ins...